Tuesday, March 22, 2011

Em um momento você está dormindo tranquilo em sua cama. No minuto seguinte sua casa, assim como seus familiares e todos os seus pertences, são arrastados por uma enxurrada de lama.





Um dia você está no trabalho, fazendo compras ou andando pela rua e de repente tudo começa a tremer. O terremoto é tão violento que abre fendas em estradas, derruba casas, causa ondas gigantes, incêndios e acidentes nucleares.


Um acidente de carro deixa jovens paraplégicos. Jovens que numa noite só queriam se divertir e relaxar, no dia seguinte encaram  um futuro completamente diferente e incerto.


Assim, sem aviso prévio, a vida de milhares de pessoas é virada de cabeça para baixo. Não possuem mais nada do que passaram a maior parte do tempo lutando para conseguir – casa, conforto, carro, dinheiro. Pessoas queridas são perdidas abruptamente, famílias despedaçadas.

Diante de tantas tragédias, que para muitos parecem tão distantes, devemos aprender que a vida é curta, frágil e imprevisível;  refletir e decidir o que é realmente importante e prioritário (e nos desapegar do que não é), o que vale a pena ser vivido, no que vale acreditar. Devemos ainda reclamar menos dos nossos “problemas” e sermos mais fortes e corajosos diante dos desafios.

(Ana Elisa Miranda)


3 comments:

Brunno Hot said...

Realmente.

As vezes a vida passa diante dos nossos olhos como um apagar de luz.
E quando menos esperamos o destino sorri para nós e nos mostra quão fragil e simplista é a vida.
Reclamemos menos. Aproveitamos mais.
Não seria hipocrita se não fosse tragico.
Independente de tudo e de todos devemos viver. Viver a cada dia realmente como se fosse o ultimo.
Não seria mentira se não fosse mentira.
Falar é sempre mais facil que fazer e fazer as vezes depende de outros.
Por isso, devemos fazer mais,falar menos, sorri muito, chorar demais, beijar aos montes, abraçar todos e sempre que possivel dizer que ama.
Amar tudo. Esse é o caminho.

bjs e parabens pelo texto

Luana Gazineo said...

Amei, Ana! Beijo grande. Luana

Telma said...

E verdade Ana, assim mesmo e a vida. Temos que estar preparados por que o minuto seguinte nao sabemos o que nos espera. Estejamos firmes no Senhor, pois so isso e que conta no final das contas....Gostei muito.
Beijo grande.