Wednesday, September 9, 2009

O casamento

Não se casaria. Nunca cometeria tamanha asneira. Casar-se? Estruturar toda uma vida ao lado de alguém para vê-la ruir pelo quase inevitável divórcio? Ver o encanto desaparecer após os primeiros três ou cinco anos... e ver seu casamento sendo arrastado por longos e preciosos anos de sua vida como fizeram seus pais? Acordar ao lado da mesma pessoa todos os dias, toda descabelada, cara amassada e sem escovar os dentes? Ver seu lindo namorado - agora marido - ficar mais gordo a cada dia que passa, tomando cerveja e assistindo futebol aos domingos? Ver-se transformada ao mesmo tempo em empregada doméstica, mãe do próprio marido e amante sensual? Preferiria o simples papel de namorada. Ou de nada. Estaria muito bem sozinha. Obrigada.
Certa vez leu um negócio mais ou menos assim: não me caso, porque não preciso. Tenho três bichinhos em casa que substituem perfeitamente um marido: um cachorro, que rosna de manhã, um papagaio, que fala palavrão o dia inteiro e um gato, que volta de madrugada para casa... Triste realidade.
Tentava se lembrar se chegou a conhecer algum casamento realmente feliz... Não lhe ocorreu absolutamente nenhum. Alguns andavam até mais ou menos, mas nada que imite a felicidade mesmo. Amor? Tentava imaginar entre quais brigas - ou contas a pagar - este belo sentimento havia se perdido. Afinal, o que acontece com as pessoas quando colocam aquela aliança no anular esquerdo?
Este seria o século em que a família seria destruída. O que aconteceu com aquelas famílias grandes, unidas e felizes? O que aconteceu com as bodas de prata, ouro, platina?
Formar uma família... Ter filhos... Primeiro eles te deixam gorda e feia pra sempre e seu marido não te deseja mais como antes. Depois eles choram a noite toda e acabam de vez com a sua vida amorosa. Depois ainda te chamam de antiquada e careta pelo resto da vida e fazem exatamente o contrário do que você tenta ensiná-los.
Tinha pavor de tudo isso. Amava sua vida de jovem solteira. Realmente, tinha nascido pra ser titia. Nunca cometeria tamanha asneira.
Mas então, o que mudou? O que aconteceu para ela estar ouvindo aquele discurso “na alegria e na tristeza, na saúde e na doença até que a morte os separe?” e dizendo um sim diante do padre neste exato momento? Ora, no fundo, no fundo, toda mulher sonha em entrar na igreja de véu e grinalda, em ter seu “lar, doce lar”. E, afinal, ela estava amando... e havia pressa em se casar antes que a barriga começasse a crescer.
(Ana Elisa)

6 comments:

Carol said...

Estava soh esperando a parte em que ela aceita que, apesar de nao parecer tao bom qto a vida de solteira, eh como as coisas acontecem e, com a pessoa certa, valhe o risco! Assim penso eu...

Bjoss!

Camila M. said...

Uau!
É o sonho ilusório de toda mulher.
Não preciso pagar a algum cartório na cidade de São Paulo para provar que amo alguém.

"Amor só dura em liberdade"

Brunno Hot said...

Eu gosto muito desse texto....muito bom mesmo...divertido....
Mas o amor existe e dever ser vivido intensamente até porque a vida é curta né...melhor amar agora se não...
Agora, casar!? Eu sonho tambem em casar e ter uma familia com dois guri, um cachorro, um quintal e etc....mas tudo na teoria é mais bonito que na pratica. Mas se não arriscarmos não saberemos e viveremos apenas no se.

usmatteo said...

...o amor esiste..e tambein o amor para sempre, porque vc nao ama pelo ser amado, mais vc ama porque vc precisa de amar....tambein si um relationamento termina. Pura illusao falar que vc pode parar de amar algein...
a differencia de antes e agora:
antes o casamento era um sogno e o divorcio uma triste necessidade; oje e' o divorcio a ser um sogno de sair de um relationamento onde muinto mais frequentemente a gente cansa de supportar, en quanto a o casamento e' sempre mais uma necessidade para sempre major numero de pessoas...
Para min inseguir um sogno e' melhor de viver uma triste realidade, entao viva o amor que te fais suffrir!

Talita said...

E vc acha q esse nao e definitivamente meu maior medo td vez q penso em juntar os trapos com o namorado??? aiai

Mr Wu said...

Have I told you about my opinion on spooning? If I haven't, remind me to do that next time.
X