Thursday, February 3, 2011

Eu sonho muito. Literalmente. Sonho quase toda noite e me lembro bem das maluquices. Às vezes acordo cansada, triste, confusa, pensativa. O sonho dessa noite parecia um filme daqueles em que o mundo está acabando, em que a humanidade está se transformando em zumbi ou morrendo e que você tem que fugir e se salvar ou encontrar a cura.
Acordei, me dei conta do sonho interrompido e fiquei pensando: se eu tivesse que fugir, abandonar meu lar por algum motivo e soubesse que nunca voltaria e também não fizesse a menor ideia do que me aguarda no caminho... o que eu levaria? Que tipo de roupa e sapato usaria, o que seria essencial à minha sobrevivência na jornada? Levaria alguma lembrança? Uma foto, um objeto? 
Essa é mais uma variação dos meus devaneios de "E se a casa pegasse fogo, o que eu tentaria salvar?" e "Vou morar em outro país, o que levar, deixar e doar?"
Bom exercício de desapego e posso dizer que estou ficando boa nisso.

E você, o que leva contigo? O que salva?

5 comments:

Ana Ferreira said...

Nem gosto de pensar nisso... Mas em sonhos as coisas mais improváveis vêm às nossas mentes. Eu sempre brinco que levaria computador, ou algum livro que eu adoro, mas na hora da complicação, é difícil de pensar em algo. Só conseguiria pensar em alguém.

KID PSICÓTICO said...

Me lembrou algo que li em um dos tantos livros que ja li de Paulo Coelho...

Interessante! Acocho que levaria meus sonhos na minha bagagem...

Grimorium Arcanuh said...

Maravilhoso seu espaço de pensamentos que invadem nosso inconsciente com suas possibilidades e deixa um certo comentário alegre nos espaços,gostei bastante...

Amanda Lemos said...

Muito interessante o blog !
Deixo o meu aqui caso queira dar uma olhada, seguir..;

www.bolgdoano.blogspot.com

Muito Obrigada, desde já !

Renata Fonseca said...

Levaria alguém e não algo.